domingo, dezembro 27, 2009

Amigos 2 - A viagem continua

NÃO SE ESQUEÇA QUE COMENTAR É CANTO SUPERIOR Á DIREITA =D



Bem galera eu sei que "posto o resto amanhã" demorou 2 meses, podem me crucificar, a culpa fou toda minha mesmo!

Mas continuando...

Depois de ter visto a cena deplorável do Victor bêbado e fumado e de ter largado ele dormindo na minha cama tendo acordado o hostel inteiro em seguida, chega a hora do almoço e eu subi para o quarto para acordar a bela adormecida. Chegando lá eu vejo a cena mais inusitada de todas : Victor agarrado no meu pijama, cheirando-o como se fosse um ursinho de pelúcia!

Eu: Vi o que é q tu ta fazendo?

Victor: Oi?

Eu: Levanta, vamos almoçar...

Victor: Ah não...

Eu: Então fica...

Victor: Ah não, me espera!

Olhei pra cara dele com um ânimo...

Victor: Não quero ficar sozinho...

Eu: Então levanta logo e vamos.

Victor: Me da um beijo de bom dia?

Eu: Bora Victor!

Victor: Pega ali pra mim na mala...

Eu: Pegar o que?

Victor: Sei lá, só pega lá...

Espantoso eu sei, mas calma que tem mais...

Eu: uma camisa?

Victor: Isso!

Peguei a camisa do Victor e ja tava guardando tudo que era meu pra sair quando ele resolve abrir a boca novamente...

Victor: Joyce e o meu beijo? Sem beijo de bom dia eu não levanto...




Resultado foi que eu dei o bendito beijo de bom dia nele no rosto, antes que essas mentes maléficas pensem besteiras, e fiz ele levantar logo da minha cama para que pudéssemos ir almoçar finalmente.

Fomos eu, Victor e Nathany almoçar porque a louca da Louise havia ido fazer escova no cabelo desde as 9 da manhã e ainda não dera sinal de vida. O detalhe é que era domingo e todos os restaurantes próximos do albergue estavam simplesmente fechados, então parei uma senhorinha na rua e perguntei se havia algum restaurante por quilo perto. A velhinha me explicou direitinho onde encontraríamos um restaurante e tudo.. só o detalhe é que o Victor por algum motivo ao atravessar a rua fica em pé pra lá do meio fio e se não fosse a minha mão mágica um busão o teria atropleado ¬¬ ... Quantas ele já me deve? Tem alguém contando?



Após meu momento Wonder Woman de salvar o donzelo indefeso lesado do perigo iminente, fomos até o restaurante almoçar. Diga-se de passagem aquela tulipa devia ta mega forte, devia ser erva transgênica pq o Vi tava num bagaço só, ele se apoiava no meu ombro pra tudo e nem era muito lucrativo pra ele, já que ele é bem maior que eu e parecia o corcunda de Notre Dame nessas horas...

Eu admito que como devagar e a Thany então nem se fala, até pra comer essa é atrapalhada, mas nós terminamos de comer e o Victor continuava olhando pra mesma batata frita, a qual ele havia deixado cair no prato, pegou a mesma para continuar a observá-la.

Não me lembro exatamente o que fiz pro Victor comer alguma coisa mas na hora de pagar acontece uma coisa típica de Nathany: largar o cartão no restaurante e ir embora.

Na metade da ladeira já na rua do albergue vem um moço todo suado correndo com um cartão na mão. Tadinho, nem deve ser pago pra tanto, mas acho que ele queria dar uma expiadinha a mais na Thany (huahuhuahuaha).

Mais à tarde fomos para a FAAP. Victor ainda lesado saiu no meio da palestra magna e foi dormir em um banco lá do lado de fora, eu sai mais tarde com as meninas e fomos todos comer num restaurantezinho em frente à FAAP.

Voltamos para o Casa Club para nos arrumarmos para ir à Casa do Samba que era a Balada da noite do Conosur. Achei muito legal lá mas na metade do negócio rolou só sertanejo e por incrivel que pareça o Vi sabia todas as letras (EMO huahuahuahuahua).




A Louise tentou se engraçar com um argentino que ela disse ser a cara do ex dela, mas não tinha nada haver... e o cara tava com uma camisa quadriculada de festa junina (ai DEOS)...

Na volta pro albergue, o Vi me fez ficar acordada com a "solução" de Vodka com energético e ficamos conversando a madrugada toda no refeitório até que ele me convenceu a voltar para Santos mais cedo, ou seja, assim que o sol nascesse, com ele e largasse as 2 doidas lá.

Tanto foi o mimimi e o bla bla bla que eu cedi e voltei mais cedo com ele pra Santos, mas ele não tinha dinheiro nem pro buso, nem pro metrô, logo a Joy entra em cena Wonder Woman para salvar o donzelo indefeso novamente.



Bem a viagem de volta para Santos foi mega tranquila, ele não tava mais lesado e nem fumado nem nada, logo ele era uma pessoa centrada como eu (será? ainda tenho minhas dúvidas).

E essa foi resumidamente a minha aventura em SP no CONOSUR 2009... de vez em quando lembrarei de mais algum detalhe e postarei aqui.

Divirta-se com o link de Nathany cantando Xitãozinho e Xororó!

sexta-feira, novembro 06, 2009

Amigos

Pequena dica: para comentar click no link ao lado do nome do post!



Ao voltar de uma viagem onde passei 4 dias na companhia de mais 3 amigos reparei o quão personagem desenho animado cada um deles, e outros presentes na minha vida são.

Teoricamente passaríamos um feriado mega cult em uma palestra do Conosur (foi na verdade um encontro de estudantes de Relações Internacionais e graduados do Cone Sul), mas como meus amigos são únicos, em vez de estarmos na FAAP à tempo da primeira palestra às 10 da manhã, simplesmente chegávamos às 4 da tarde.



Bom... o começo também já foi bem diferente. Teoricamente ficaríamos na casa da Sueli, uma amiga minha que havia se mudado pra São Paulo há uns 2 anos, mas no meio do caminho resolvemos ficar em um albergue porque a Sueli não deixou o Victor na casa dela pelo simples motivo dela ter filhAs.

O combinado era sairmos às 3 da tarde, eu e a Louise. Bem, saímos as 6... o mais legal foi o caminho para a rodoviária, a mãe da Louise nos levou de carro e no meio do caminho o telefone da LOUca começa a tocar, mas... estava num bolso interno da bolsa dela que do nada simplesmente havia caído o zipper!

Louise abre a bolsa, vira do avesso, atende o celular (ainda dentro do bolso) e diz: ALOO, OI? DESCULPA ME LIGA DAQUI UNS 10 MINUTINHOS? É QUE MEU CELULAR TA PRESO DENTRO DO BOLSO DA BOLSA E NÃO CONSIGO TIRAR, VOU TER QUE RASGAR ESSE BOLSO! OI? ME LIGA DAQUI A POUCO!

Acho que nunca ri tanto com uma cena tão tosca!

Ela também reservou tudo lá no albergue e já estava tudo bem certo. Na verdade ela enxeu a paciência da velhinha dona do albuergue pra fazer caber todo mundo no mesmo quarto. É... ia caber... mas ela se esqueceu só de um pequeno detalhe : Ler o nome da cidade do albergue.

Já no onibus, no meio da serra a velhinha liga pra Louise com aquela voizinha meiga : Minha filha eu só queria confirmar o lugar que você vai. É em São Paulo?

Louise: Isso, nós vamos em um congresso na FAAP!

Velhinha do albergue: Mas minha filha aqui é JIANÓPOLIS!

Detalhe... o que é reservar um albergue em outra cidade? Deveríamos logo ter reservado um em santos, assim eu almoçava em casa todo dia.

Nem me desesperei, eu tinha sonhado com furacão noites anteriores e eu não tive medo de nenhum deles, porque eu haveria de ter medo de passar uns dias de sem teto?

Tanto aconteceu que encontramos um hostel na Vila Madalena chamado Casa club e reservamos nosso check in de 4 pessoas para sábado de manhã. Bem, acho que não mencionei que era sexta de noite né? Nossa idéia era chegar na FAAP de mala, assitir a primeira palestra do circuito, largar as malas com alguém e virar a noite na balada.... antes tivéssemos ficado na porra do albuergue...



Largamos as malas na casa da amiga da Layza e fomos de carro até a balada. Não me pergunte onde era a balada porque eu não faço idéia, só sei que era na PQP e gastamos 100 reais pra chegar lá. Mas a balada era diferente, música latina, noite da salsa. Rey Castro o nome, tudo com fotos do Fidel e tal, muito legal mesmo! Nos acabamos na balada, mas..... a balada me acaba as 4 da manhã. O que se faz as 4 da manhã em São Paulo? Bom, fomos ao Pão de Açúcar e gastamos ums 4 horas lá tomando a mesma xícara de café, isso eu, Louise e Nathany.


Fora nossas bolhas no pé, pq balada mais aquela ladeira da FAAP de tailler e salto 15 é de morrer, pegamos nossas coisas na casa da amiga da Layza e fomos para o albergue (em breve o vídeo da gente subindo a ladeira da casa da amiga da Layza com Nathany de costas puxando a mala e cantando xitãozinho e xororó). No metrô, a Louise que fala muito discretamente no celular informava o pai dela onde iríamos ficar...

"PAI! PAAAAI! NÓS VAMOS FICAR NO CASA CLUBI! É NO CASA CLUBI PAI!"


Comovido com nosso estado, um homem ao sair do metrô na mesma estação que a gente perguntou: "Vocês vão pro casa club né?"

Nathany: "Noooossa, como você sabe?"

Homem caridoso com sotaque engraçado: "escutei sua amiga no telefone"

Resumindo, o cara ia pra lá também. Ele nos disse que tinha um onibus ali no terminal que descia bem na frente, mas a Louise resolveu ir a pé... péssima idéia...

"a gente segue a rua harmonia até chegar na esquina da rua girassol com a purpurina...'

Quase um bairro gay pelos nomes, mas eu achei fofo. O homem ficou com pena e foi andando com a gente até o albuergue. a gente quase morreu porque 20 minutos de caminhada em sampa não é como 20 minutos de caminhada em santos! No caminho descobrimos que aquele cara gigante e engraçado era do Alaska (OH FUCKING SHIT!) e havia morado no Amazonas por 12 anos (PQP) e morado no Hostel por 5 meses (Oh my goodness...). Ele ainda fez o favor de carregar a mala da nathany no lombo que nem garrafão de água... 35 graus em sampa... tadinho do homem...

Quando chegamos na rua do albergue, tinha feira, logo não sabíamos como era a rua sem a feira, mas tudo certo. Entramos no albergue e era tudo mto bonitinho, fizemos o cadastro e tinhamos que esperar 3 pessoas fazerem check out pra colocarmos nossas coisas no quarto, e foi nesse meio tempo que fiz amizade com 2 gringuinhos Tom e Leo (Liu), ambos vindos da Austrália, mas o Leo é Malaio. Batemos um bom papo e tiramos sarros de coisas toscas como filmes que acabam com a imagem dos países, acabei descobrindo que tem um "Turistas" versão Australia. Ficamos no bla bla bla um bom tempo e fomos nos alojar no quarto.


O quarto era coletivo chapado de beliches. eu e a Louise ficamos em um de cima, um do lado do outro, na minha frente em cima ficaria a Nathany e em baixo o Victor que ainda não havia chegado. Embaixo de mim estava o Leo e do lado da Thany, em cima estava o Tom.

Nos arrumamos e fomos para a FAAP assistir as palestras, ainda viradas.


Preciso dizer que não deu? A gente tava zumbi de tanto sono. a palestra era com o ex presidente da Colombia, palestra horrorosa, ele só falou mal do Brasil e deu desculpas pros problemas da Colombia... Eu até sonhei naquela palestra ( HUAHUAHUAHUAHUAHUA). A Nathany sonhou que o homem era o gerente de vendas da Vivo e eu constantemente acordava achando que ele falava comigo. Até o Embaixador Ricupero ficou desenhando no bloquinho dele... 1h de um monólogo chatíssimo. No meio da Palestra o Victor manda uma mensagem "To no albergue vendo o jogo e bebendo" (QUE ODIOOOOOOOOO), como eu queria estar lá! Até futebol era melhor que aquele colombiano tosco.

Voltamos para o albergue de noite e tinha uma mini balada com banda e tudo lá. tomamos umas cervejas, comi os abacaxis da caipirinha do victor, comemos burritos, mas não deu, eu tinha que dormir! Fui pra minha cama e apaguei com barulho e tudo.

Acordo no dia seguinte bem descansada, olho pro lado vejo a Louise, pro outro e vejo a nathany, pra baixo e... nossa como o victor emagreceu... pera, o Victor não tem barba... QUEM É ESSE CARA?

Me levantei, me troquei e quando saí do quarto vem o Victor bêbado e diz: "Joyce! me da um abraço que eu to precisando"

Naquele instante descobri que ele virou a noite bebendo e ainda fumou um baseado na forma de tulipa! É... ele tava muito podre... Botei ele na minha cama e fui tomar café com a Louise e em cerca de 15 minutos desce todos os gringos do quarto. O Leo para na minha frente com o cabelo todo revirado, zuado, camisa amassada e um saco com 5 mangas (WTF?) e diz: "Your fucking friend snores like a storm!"

HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAUHAHUAHUAHUAHUAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHA

O Victor acordou todos com o mega ronco dele!

O problema é que agora ta meio comprido esse post e resolvi postar mais amanhã...
Não se mate, só fume mais tulipas...

sexta-feira, outubro 23, 2009

Finalmente Monografia


Finalmente consegui pensar em um tema pra TCC!

Na verdade 2, mas acho que ficarei com o primeiro "Um interncâmbio entre culturas a quatro paredes: O papel do Brasil na evolução da tecnologia dos núcleos de comunicação online."

Pensei também em fazer a respeito dos gestores de Segurança de dados nas empresas, mas achei que o primeiro é um tema diferenciado, que as pessoas pensam que sabem bastante mas ainda existe muito mais por traz do assunto, logo tudo haver com o curso de Relações Internacionais.

Só queria mesmo compartilar a informação ahuHAuhaUHAuahUAHu

O blog anda bem parado, mas vai voltar à ativa com toda a minha convicção!

Até mais pessoas!

domingo, setembro 06, 2009

Tarrafa Literária




Ta acontecendo o maior evento literário de Santos e eu dormi no ponto pode?¬¬

Hoje é o penúltimo dia da Tarrafa Literária, evento que reune vário escritores nacionais e internacionais. O melhor é que é um evento para se falar de tudo e de todos, e ainda é praticamente de graça, só levar um livro usado para entrar!

Eu vou! FATO!

Mas o blog e o twitter da tarrafa ta leeeeeeerdo ¬¬

Me canditatei a participar no próximo evento *-*

Tirar as fotos, fazer os posts... imaginaaaaaaa!


E ano que vem espero estar lá!

quinta-feira, agosto 20, 2009

Melhor Propaganda!

Um dia desses estava eu no meu momento ócio criativo e me deparei com um comercial espetacular da Intel onde me aparece um indiano bigodudo super baixinho andando como se ele fosse O CARA!

O melhor é que as pessoas o tratavam como O CARA!

Isso mostra que, como diz aquela musiquinha que apareceu no Faustão: O nerd de hoje é o homem rico de amanhã!

Eu A-DO-REI esse comercial. Ele é muito criativo e da valor a uma coisa que as pessoas estão valorizando cada vez menos que é o conhecimento, a informação. Cada vez mais as pessoas se preocupam com tudo de mais futil na vida, menos o que realmente importa.

Bem, chega de bla bla bla porque eu não sou livro de auto ajuda, e quem quiser ser alguém melhor, que acorde e se torne uma x).

Segue aí o videozinho pra gente curtir =D





Versão Chinesa



terça-feira, agosto 18, 2009

Cantada Perfeita



Não sabe como chegar naquela pessoa especial?

Graças à Layza EU APRENDI!

Desencalhe você também com essa super cantada!

TE AMO LAYZA S2

Sem você eu nunca teria aprendido tão importante lição, minha GURUA!



quarta-feira, agosto 12, 2009

Sem título



Primeiro post sem título...

Mas sem título porque também nem sei do quê eu vou escrever aqui, porque convenhamos eu não posto nada há milênios então nõ se assuste se eu começar a falar de gripe suína e terminar em História Econômica do Brasil na década de 30. (Brincadeira =X)

Férias de julho na parte sudeste, mais especificamente Santos é sinônimo de tédio, porque em Santos há todo tipo de chuva possível e imaginável. Há chuva por conta do relevo, por frente fria, por frente quente, por El Niño, por cilcone extra tropical, de verão (mesmo sendo no inverno) e até mesmo porque Deus quis... e ele anda regando demais aquelas margaridas lá em cima...

O resultado das minhas férias foi video game. Virei nerd de video game.... Fiquei jogando wii sports por um tempo mas resolvi jogar Perfect World que é um jogo online (MMORPG - Massive Multiplayer Online Role Play Game), cujo server é gratis independentemente da nacionalidade do mesmo, porém com algumas ressalvas. Qualquer um pode jogar, mas há alguns itens extras que são legais, porém a grande maioria é pura estética do seu personagem, que são pagos, ou seja, você paga se quiser. Se também não quiser pagar para ter os itens, mas querer tê-los também rola, porque sempre tem gente vendendo essas coisas em lojinhas nas cidades.


Perfect World é um jogo baseado na mitologia chinesa com 3 raças diferentes: Humanos, Elfos Alados e Selvagens. Humanos são humanos (nem tem graça hahaha) que podem ser magos ou guerreiros, Elfos alados são elfos ALADOS (jura? nunca ia imaginar..) que podem ser sacerdotes ou arqueiro e Selvagens podem ser barbaros (meio animal podem ser panda, lobo, leão ou tigre, sendo que todos possuem forma animal de tigre branco) ou feiticeiras (que possuem caracteristicas humanas, apenas com rabos e orelhas de raposa, gato, gazela, morcego e umas a mais que nao me lembro e e forma animal são raposas com maquiagem cor de rosa).




Eu primeiramente jogava no server brasileiro da Level up, mas a level up rouba muito! preços muito altos, má administração, falta de respeito com players, server bugado, lagado e quests sem tradução... se pelo menos as quests sem tradução fossem em inglês quebravam o galho, mas as quests estão em chinês e você acaba vendo uma sequência de pontinhos e quadradinhos.

Larguei a level up e fui para PWI - Perfect world Internacional, que é MA-RA-VI-LHO-SO. Os preços são em dolar mas dá muuuuuuuuuuito menos o que a LUG pede, o server não tem bugs, há alguns pontos de Lag por conta da concentração de players, e por incirvel que pareça achei as pessoas mais educadas, se bem ue tem noob também, porque noob (gíria para pessoas desprovidas de inteligência ou simplesmente chatar pra krl) tem em toda parte do mundo.

Foi lá que encontrei um clan BRAZIL que só falava em português. Eu pensei: ai que lindo fizeram um só pra brasileiros. Entrei lá e era dominado por tugas noobs (ai meu pai! tuga é blz mas noob é demais!). Saí de lá em 3 dias, até que aquentei muito, e me juntei a um clan chamado Cathedral que nem tem nacionalidade. Tem gente de Hong Kong, EUA, Alemanha, México e etc. Achei muito legal a galera e fiz boas amizades.

No fim das contas as ferias acabaram sendo boas apesar de nem ter saido de casa praticamente. Eu passei um tempo que morgaria reclamando por não ter nada o que fazer aperfeiçando o meu inglês e fazendo novas amizades virtuais que há muito não fazia!

Mas agora.. Deus pode parar de regar essas margaridas porque eu to doida pra voltar a andar de bicicleta na praiaaaa!!!!!

Pra quem quiser xeretar, eis os sites do PWbr e PWi, mais videozinho de apresentação do PW =D

O PWI tem coisas a mais que o PWbr como genies, roupas e montarias que o PWbr nem sonha ainda! Espero que gostem, e quem não gostar... sei lá mal ae pelo tempo perdido huahuahuahuahuahuahua.

=*


Músicas apresentadas nos vídeos são as músicas do jogo.





domingo, abril 26, 2009

I want to buy you flowers!

Pensei que só eu tinha delírios assim! hauAHuahUAHUha
Sou fã agora!
A música é Flowers de Emilie Simon, uma francesinha muito boa!
O clip lembra muito Tim Burton *-*
Segue o vídeo com letra pra galera que vem perder tempo aqui curtir! \o/




I want to buy you flowers
Eu quero te comprar flores
It's such a shame you're a boy
É uma pena você ser um garoto
But when you are not a girl
Mas quando você não é uma garota
Nobody buys you flowers
Ninguém te compra flores

I want to buy you flowers
Eu quero te comprar flores
And now i'm standing in the shop
E agora estou aqui na loja
I must confess i wonder
Preciso confessar que me pergunto
If you will like my flowers
Se você vai gostar das minhas flores

You are so sweet and i'm so alone
Você é tão doce e eu estou tão sozinha
Oh darling please
Oh querido por favor
Tell me you're the one
Me diga que é você
I'll buy you flowers
Eu vou te comprar flores
I'll buy you flowers
Eu vou te comprar flores
Like no other girl did before
Como nenhuma outra garota fez antes

You were so sweet and i was in love
Você era tão doce e eu estava apaixonada
Oh darling don't tell me
Oh querido não me diga
You found another girl
Que você encontrou outra garota
Forget the flowers
Esqueça as flores
Because the flowers
Porque as flores
Never last for ever
Nunca duram para sempre
Never last for ever
Nunca duram para sempre
Never last for ever
Nunca duram para sempre
My love
Meu amor

A Felicidade pode demorar


Às vezes as pessoas que amamos nos magoam, e nada podemos fazer
senão continuar nossa jornada com nosso coração machucado. 


Às vezes nos falta esperança. 
Às vezes o amor nos machuca profundamente,
e vamos nos recuperando muito lentamente dessa ferida tão dolorosa. 

Às vezes perdemos nossa fé, então descobrimos que precisamos acreditar,
tanto quanto precisamos respirar...é nossa razão de existir. 

Às vezes estamos sem rumo, mas alguém entra em nossa vida, e se torna o nosso destino. 

Às vezes estamos no meio de centenas de pessoas, e a solidão aperta nosso coração
pela falta de uma única pessoa. 

Às vezes a dor nos faz chorar, nos faz sofrer, nos faz querer parar de viver,
até que algo toque nosso coração, algo simples como a beleza de um pôr do sol,
a magnitude de uma noite estrelada, a simplicidade de uma brisa batendo em nosso rosto. 

É a força da natureza nos chamando para a vida.
Você descobre que as pessoas que pareciam ser sinceras e receberam sua confiança,
te traíram sem qualquer piedade. 

Você entende que o que para você era amizade, para outros era apenas conveniência, oportunismo. 

Você descobre que algumas pessoas nunca disseram eu te amo, e por isso nunca fizeram amor,
apenas transaram... 

Descobre também que outras disseram eu te amo uma única vez. 

E agora temem dizer novamente, e com razão, mas se o seu sentimento for sincero poderá
ajudá-las a reconstruir um coração quebrado. 

Assim ao conhecer alguém, preste atenção no caminho que essa pessoa percorreu, são fatores
importantes: a relação com a família, as condições econômicas nas quais se desenvolveu. 

(dificuldades extremas ou facilidades excessivas formam um caráter), os relacionamentos anteriores
e as razões do rompimento, seus sonhos, ideais e objetivos.
Não deixe de acreditar no amor. Mas certifique-se de estar entregando seu coração para alguém
que dê valor aos mesmos sentimentos que você dá. 

Manifeste suas idéias e planos, para saber se vocês combinam. E certifique-se de que
quando estão juntos, aquele abraço vale mais que qualquer palavra.
Esteja aberto a algumas alterações, mas jamais abra mão de tudo, pois se essa pessoa
te deixar, então nada irá lhe restar. 

Tenha sempre em mente que às vezes tentar salvar um relacionamento,
manter um grande amor, pode ter um preço muito alto se esse sentimento não for recíproco. 

Pois em algum outro momento essa pessoa irá te deixar e seu sofrimento será ainda
mais intenso, do que teria sido no passado. 

Pode ser difícil fazer algumas escolhas, mas muitas vezes isso é necessário. 

Existe uma diferença muito grande entre conhecer o caminho e percorrê-lo. 

A tristeza pode ser intensa, mas jamais será eterna. 

A felicidade pode demorar a chegar, mas o importante é que ela venha para ficar e não
esteja apenas de passagem...




Luiz Fernando Veríssimo

sexta-feira, abril 10, 2009

Odisséia (?) de um bêbado


Assim, juro que num tô bêbado cara, mas em todo caso, antes de dormir vo te contar o que me ocorreu... xa só eu da um mijin rapidão!....


(minutos depois)


Ahh... agora eu tô mesmo aliviado!

Então, eu tava na facul né. Claro q eu sou um aristocrata, um cara de prima e pah... dae os muleques me chamaram pra ir no VivA Vinhos. Grãças a Deus né?! Porque assim, eu num sô homem de fica tomando cachaça e cerveja quente em buteco! Vinho ja ta de boa...

Fui com os muleque tudo gente de boa, as meninas lá também tudo perfeitão!... O único problema é que eu só to acostumado a beber água e derivados... esporádicamente um champAnhe E tals.... Dae eu já na segunda taça tava meio que alegrão huahuahuahua... acho que um cadin demais porque ainda acho que vi e ouvi coisa, veja só!

EU! Na minha santa e linda inteligência magnífica sei que, por exemplo VINHO é feito de uva, CORRETO?

Só que aquelas mina pediram vinho de pessego! mas eu disse..

Menina dea de ser burra que vinho é de PESSEGO! PÊ Ê ÉSSI ÉSSI Ê GÊ Ô!

Dae a vadia riu da minha! CarAAAAAAAAAAAaio véi!... Eu soltei...

Ri não aê baranga que vinho é de uva! DE UVAAAAAAAA!!!

Acontece que o garçon era ainda mais burro que a menina e ainda foi fazer a porra do vinho de pêssego. Quando ele chegou com aquela jarra na mão eu disse.

CARAAAAAAAAAAAAAAIO VÉÉÉÉÉÉEI... ELE FOI FAZER VINHO DE PESSEGO VÉÉÉÉI...

Num é que a budega era boa? tomei vinho de pessego pra caraio AHUhaUHAUhauHAUhauHAUh

Dae depois as mina pede vinho de morango. MORANGÔ!!!!! EMI Ô ERRI AH AN GÔ!!!!!!

Fiquei assim hocado velho, como pudia o garçõn fazer aquelas barbaridades?

Claro que um cara bonito, viajado e inteligente que nem eu num ia fica por baio das mina né pô! Chamei lá o garçon e pedi, VÊ AE UMA JARRA DE SANGRIA MAS DE SANGUE DE VINHO TA LIGADO, VAI MATAR NINGUÉM NÃO RAPÁ!

Dae as meninas começara.. AH O QUE QUE É SANGRIA?

E lógico eu respondi né, não ia deixar as mina lá sem saber o qu era, compartilhei a minha cultura com elas!

SANGRIA É COM ABACAXI, MORANDO, LIMÃO, MAÇÃ E GELO!

Mas as doidas retrucaram.. AHHH MAS VC DISSE QUE VINHO ERA SÓ DE UVA E OS CAMBAL SEU CABAÇO E AGORA TA PEDINDO ISSO?

Eu num ia fica por baixo né mano dae falei em alto e bom tom: LOIRINHA LINDA, DEXA DE SÊ BURRA! TEM ABACAI, MAÇ[A, MORANGO, LIMÃO E GELO MAS A PORRA DO VINHO É DE UVA TA LIGADO?

Resultado é que a sangria chegou a gente bebeu e agora só lembro dos flash... teve batata frita na parada, lmbro q eu tava num carro, lembro de alguma coisa haver com bonde das amantes CAÇadoRAs de Piru e to aqui agora véi... Inclusive... num sabia que tinha irmão gêmeo não cara... pô (chorando)... prazer em te conhecermano... (soluça).. sempre pedi um irrhmazinhopra... HIC... pra mãevéi... elanuncacontou... HIC... ue tu tava aki...HIC... TU É MÓ GNTE BOA, ESCUTA TEU IRMÃO...


Tem vinho ae?

sexta-feira, março 06, 2009

Devaneando parte1




Acerca das iscas de peixe



Isca de peixe é muito bom *-*
Em todo caso, conversando com um amigo percebi o que há por trás das iscas de peixe!
Em inglês são chamadas de fish fingers 

QUÊ? PEIXE TEM DEDO?



Repetindo: 

Isca de peixe = Fish fingers



O que significa que SIM, peixes têm dedos!
Dessa forma, se peixes tem dedos e a comida se chama isca de peixe, por ser isca os peixes comem os PRÓPRIOS DEDOS!



QUE HORROOOOOOR!!!!!!!!!!


CANIBAAAAISSSS!!!!

Adoooooooro isca de peixe!

Fish Fingers' Sandwich

quarta-feira, março 04, 2009

Novidades




Great, great news!

Eu fui demitida! LOL

Acho que eu devo ser uma das raras pessoas que fica etremamente feliz por ser demitida, porque, não entrando muito em detalhes... meu EX chefe é MUITO PARANÓICO!

Todos sabemos que as condições de trabalho dos brasileiros em geral não são as melhores mas pera aí, bem ou mal quem trabalha em escritório pode falar no telefone de vez em quando, no seu próprio celular, mandar mensagens sms e conversar com os demais funcionários.... ele não queria que nós fizéssemos NADA disso...

Dessa forma, eu fiquei imensamente feliz por ter saído de lá, só fiquei muito puta da vida por ter acordado cedo, me arrumado, gasto dinheiro e maquiagem para chegar lá e não entrar no escritório e nem poder me despedir das outras pessoas que trabalhavam lá.. detalhe que ele é tão covarde que nem para me demitir serviu, pediu para o papai me demitir assim que chegasse ao escritório...

Foi dessa forma que ele me agradeceu por ter idéias para enviar informações aos clientes de formas diferentes. Eu falava via chat do skype com outra funcionária de enviar certas informações via grupo de notícias do Outlook e tentar fazer um blog acerca dos serviços prestados pela empresa etc, etc. E por causa disso, ele resolveu que eu não mais poderia trabalhar lá.. HA HA!

Sabe por que? Porque ao falar disso com a menina via chat do skype eu estaria simplesmente desobedecendo uma ordem dele...

E como ele soube disso? Ele esperou eu sair do escritório para buscar um documento em uma outra empresa e sentou no meu computador e passou a ler todos os e-mails e históricos ali.

Me diz, se isso não é paranóia?

Sem falar que as únicas pessoas que eu conhecia naquele skype eram as pessoas do escritório porque as demais eu nunca havia falado na vida! Mas ele acreditava que muitos eram meus amigos e que eu passava o tempo conversando com todos... ¬¬'

Bom, sou mais uma que se foi. Diga-se de passagem há uma rotatividade de funcionários muito grande na empresa, no último ano foram mais de 4 estagiárias e a pessoa que trabalha mais tempo lá tem os incríveis 2 anos de casa sendo que 1 é como funcionária efetivada WOOOW ... rs

Essa foi a forma de agradecimento pelo interesse em inovar na empresa e pelas mais de 15 horas extras não pagas! \o/

Bom, aqui fica meu pequeno desabafo. Se você que estiver lendo isso aqui for um chefe, preste atenção no que faz, porque vai que alguem resolve processar você pela sua neurose?

Até o próximo post o/

domingo, março 01, 2009

Claro que pago essa merda...





O aposentado Richard Roper, de 63 anos, escapou de nova punição por ter pago uma multa por ter estacionado irregularmente em Sudbury, na Inglaterra, com um cheque escrito em folhas de papel higiênico, segundo os jornais "Telegraph" e "Daily Mail".

Roper tinha sido multado em 30 libras (R$ 107) por ter estacionado seu carro irregularmente em Sudbury. Em protesto, ele decidiu pagar o valor com um cheque escrito em duas folhas de papel higiênico, de acordo a reportagem do "Telegraph".

A polícia do condado de Suffolk, porém, não achou a coisa engraçada e entrou com um processo no tribunal cobrando mais 15 libras (R$ 53,50), valor que seria necessário para receber o pagamento incomum.

Roper, porém, negou  que não estivesse querendo pagar a multa. "Fiz o pagamento escrito sobre folhas de papel higiênico, pois ele reflete adequadamente meus sentimentos em relação ao sistema", afirmou o aposentado ao "Telegraph".

Seguirei o ideal de Roper de agora em diante... começando por qualquer resenha, trabalho ou lição de casa que a rof de Organizações Internacionais nos mande fazer! 

Hihihihi...se a moda pega rs...

sábado, fevereiro 21, 2009

Amor acima de tudo


Você já se sentiu como que a pessoa que mais te importasse no mundo não estivesse mais exatamente se importando?

Eu tenho medo de pensar nisso, mas em todo caso quero ser feliz e quero que ele seja também, comigo ou não...

Quando se ama de verdade, se ama ao ponto de querer o bem e a alegria do outro iniferentemente de você fazr parte dela ou não. 

É certo que é triste, porém é o que sinto.

Espero que eu ainda faça parte dessa felicidade...

Teorizando


Fazia tempo que eu não divagava por escrito (se é que tal coisa é possível). Numa era onde as pessoas simplesmente se recusam a pensar, às vezes se sinto 1 em 1 milão e quase que totalmente incompreendida.

É tão frustrante quando você se desdobra tanto para explicar uma linha de raciocínio a respeito de qualquer coisa que seja e o ser é tão mente fechada que ainda não consegue compreender a complexa simplicidade de um pensamento produzido por alguém que nem é um PhD, filósofo, sociólogo. Que não passa de um simples teórico em coisa alguma, a não ser em fatos, pensamentos... fatos tão corriqueiros da vida.

Mesmo assim, não vou parar de pensar e teorizar. Afinal de contas mente aberta não é defeito, mas qualidade.

Te aconselho a fazer o mesmo.

segunda-feira, fevereiro 09, 2009

Até que ponto somos substituíveis?


O mundo atual anda tão caótico e cada vez mais contraditório. Ao mesmo tempo que você faz o máximo para se destacar, aperfeiçoar, iveste em você em busca dos ditos e famigerados diferenciais, você se torna simplesmente subsituível.

Eu já ouvi ameaças de substituições... "se não se enquadrar eu vou demitir nego e contratar alguém que faça do meu jeito...". Onde se encontra aquela história de cooperação, comprometimento...? Me diz como as pessoas podem se empenhar sob tal ameaça?

Meu chefe um dia me chamou de lado e disse que eu estava lá por merecimento, que eu passei no teste de qualificação, mas poucos dias depois ameaçou todos no escritório, todos...

Eu duvido que ele consiga encontrar pessoas com as mesmas qualidades que todos nós lá. Talvez pessoas mais competentes ou menos competentes ou mais criativas, ou menos criativas etc, etc... mas cada ser humano é único e eu acredito que com a injeção de ânimo certa todos rendem além das espectativas.

Eu sou substituivel para ele... sou estagiária... porém a estagiária que botou odem na bagunça que estava o quadro de estatísticas dele e que deu mais idéias do que outras pessoas que trabalham a muito mais tempo lá, me comunico melhor que utras pessoas que trabalham lá, falo idiomas melhor que outras que trabalham lá, e essas pessoas tem qualidades melhores do que a miha também, lógico!

Até que ponto se subistitui alguém? Até que ponto se descarta alguém?

Eu acredito que nem todos são substituiveis... mas que todos são atribuíveis....

sexta-feira, janeiro 23, 2009

From hell....



Até que ponto vale a pena manter seus funcionários no cabresto?

Vamos aos fatos, todos sabem que manter os funcionários estressados e sob pressão psicológica só fazem render menos à empresa.

Tomemos como exemplo a Google. Os funcionários da Google não usam uniformes e nem são obrigados a se vestirem em trages sociais. Aqueles principalmente que não lidam com o público tem horários a cumprir, mas o resto pode entrar e sair no horário que quiser, porém têm metas a cumprir mensalmente, dessa forma, contanto que você mantenha todas as tuas metas no trabalho, pode sair às 11 da manhã e voltar pra casa ou chegar às 3 da tarde.

Convenhamos que a Google é a empresa de maior sucesso no momento quase dando na cara da Microsoft, Bill Gates mesmo já disse que vive com um olho na Google pois ela pode tomar domínios da Microsoft em minutos. Isso mostra que o rendimento dos empregados não diminui com uma certa liberdade, porque você nunca é 100% livre, os caras da google podem fazer os horários deles, mas se não trabalharem ele vão ficar desempregados, as metas estão lá para isso.

Tá certo que lembra o tal do Ócio Criativo de Domenico de Masi (esse eu sou fã, sociólogo muito bom!), mas funciona muito bem!


Agora, vamos ver como funcionam as empresas aqui no Brasil... Na maioria das vezes o acesso à internet é restrito, você ganha muito mal, se estressa demais, sempre tem um cara buzinando na sua orelha, não pode chegar nem 5 minutos atrasado que ouve graça e seu trabalho nunca está bom! Acho que sabemos o porque não rendemos assim tão bem...

Eu trabalho numa empresa pequena, a internet não é restrita, não tem senha nem nada mass.... tenta mandar um e-mail pra sua mãe, pesquisar na lista telefônica, abrir google ou qualquer outra coisa do gênero pra você ver só!

Hoje meu chefe chamou a antenção do escritório inteiro porque duas funcionárias estavam se falando via skype durante a manhã (chat, não voz), outra mandou e-mail para mãe, outra pro namorado, outra estava no google procurando uma informação e durante um momento de descontração falamos sobre the sims. parece um pouco demais, chocante... ohhh, mas não necessáriamente. O rendimento lá não deixa a desejar para ninguém, estamos à frente de muitos concorrentes, terminamos sempre o trabalho bem feito e nunca temos reclamações, só elogios. Acredito que ele não deveria se importar de alguém atendendo uma ligação da mãe, mandando mensagem no celular para um amigo ou qualquer outra coisa, mesmo porque isso não é todas as horas do dia, todos lá trabalham bem, ninguém é folgado e fica ignorando trabalho e o rendimento não é baixo.

Eu mesmo mandava um e-mail para minha mãe explicando uma coisa sobre o boleto bancário do meu curso de tradução e quando ele veio me acusar de estar brincando na internet quando ele chegou e falei isso ele me responde "se fosse importante você teria continuado". Agora se eu não tivesse fechado a janela ele teria falado um monte da mesma forma! E como ele sempre pesa com essas coisinhas eu fechei mesmo, ou ele ia parar pra ler o que eu estava escrevendo!

O melhor de tudo é que assim que respondi a pergunta dele ele vem "E quem é que manda nessa merda aqui?"

De verdade eu senti vontade de levantar e falar "beleza eu me demito, to saindo". Não vou me estressar por conta dele, não quero me estressar por conta dele, se ele perdeu todos os fios de cabelo da cabeça por ser nervoso o problema não é meu, mas eu rendo muito bem lá, sou quem fala inglês melhor, que tem melhor vocabulário e gramática, refiz todas aquelas estatísticas e deixei tudo sem erros, faço os trabalhos rápido, mando tudo na hora certa pros caras e ele vem me proibir de falar com a minha mãe no telefone e de ocasionalmente mandar um e-mail pro meu namorado que nem nesse país mora?

Olha eu não to afim de casar com 40 anos nem de ter filhos aos 70, e nem de começar a aproveitar a vida aos 80. Há dias que precisamos de uma válvula de escape pra não explodir com a pressão, manter todos sob mais pressão arruina tudo, a atenção cai, os erros aumentam...

Pois eu acho que deveríamos pregar o tal ócio criativo. A gente poderia ter liberdade de usar nossos e-mails e de vez em quando atender a mãe ou a um amigo combinando um lugar pra almoçar.

Meu chefe pode ser uma pessoa legal, brincar e tudo, mas essa mania controladora dele deixa a gente num clima horroroso, terça veira voltei do escritório às 9 da noite por conta de um "projeto" que nem deu certo, foi enterrada pela empresa que temos parceria, e eu não fiz nada lá, não ganhei nada por isso, só dor de cabeça, com a minha mãe me ligando e meu namorado reclamando via celular.

Sabe eu já me empenhei bastante no trabalho, cheguei mais cedo, saí mais tarde, encolhi horário de almoço, briguei com família, dispensei amigos. Poxa eu quero ter uma vida, fazer de tudo pelo trabalho pra no fim das contar levar uma paulada na cabeça por falar no telefone e mandar um e-mail?

Acho que na verdade ele não preza muitos os funcionário, por isso que tem uma rotatividade alta lá. Ele pode ter certeza que eu não vou durar muito lá, passado Fevereiro, que foi o combinado entre nós, de eu não sair antes de fevereiro por conta da reunião dele em Dubai, ele pode ter certeza que eu não vou estar mais lá, estou procurando outro lugar.

Sei que nas outras empresas eu não vou ter a mesma liberdade da Google, mas eu sei que eu ou poder enviar um e-mail pra minha mãe ou pro meu namorado ocasionalmente ou atendê-los no telefone não é mesmo? E quem sabe ganhar mais, porque tanto stress assim por 400 reais por mês não ta valendo a pena mesmo...

Eu tenho um super tempo ocioso, as vezes termino o trabalho do dia em 1 hora.. e o resto do dia? Fingir que trabalha e não poder mandar nem 1 e-mail pra alguém? Fala sério... algum lugar tem q ter um trabalho que a gente tenha um equilíbrio...

Bom, enquanto ainda não trabalho na Google (ahUAHuahUA sooonha), vou me virando aqui, mas num lugar que não me estressem tanto por coisas tão fúteis.




segunda-feira, janeiro 19, 2009

Onde está Wally?

Preste atenção na foto...
Pay attention to the picture...

Alguma coisa assim.... Diferente?

Is there anything... Different?



Repara bem! Onde está Wally?
Pay attention! Where's Wally?

Esse é meu chefe em baixo da mesa falando no telefone!
This is my boss under the table talking on the phone!



Isso prova que nem todos que fazem farra no escritório são subalternos!
This proves that not everyone that plays, has fun in the office are employees!

domingo, janeiro 18, 2009

Filosofia do dia II


Tsunamis são ruins, mas se você tiver uma prancha de surf pode ser MARA!

Tsunamis are bad, but if you've got a surfing board it can be GREAT!

(alguém me faz parar de escrever hoje pelamordedeus!!!)

Já aconteceu contigo?

Estar fazendo alguma coisa ou simplesmente tentando dormir ou qualuer outra coisa, vem um texto na sa mente, muito bom, brilhante mas você depois que pega tudo pra escvrever, passar tud aquilo pro papel, simplesmente esquece?

Acabou de acontecer isso comigo... da uma raiva ¬¬'

Só queria explicitar isso aqui, de repente um dia o texto volta não é verdade?
--------------------------------------------------------------------
Has it ever happened with you?

To be doing anything or simply trying to sleep or any other thing else and a text strikes your head, a very good one, brilliant, but straight after, when you get everything to write, to put all that in the paper, you simply forget?


It has just happened to me... I feel so pissed off ¬¬'

Just wanted to explicit it here, maybe, some day, the text comes back, doesn't it?


quinta-feira, janeiro 01, 2009

Retórica

A Retórica da Vida




Por que somos um só se todas as células que compões nosso corpo são vivas?