segunda-feira, fevereiro 19, 2007

Ser diferente é bom ou é ruim?



A sociedade como um todo me lembra uma indústria de produção em massa onde todos são iguais e o diferente não é bem visto e vai pro lixo. Quando Henry Ford inventou a produção em massa, todos os seus carros tinham o mesmo tamanho, largura, peso e cor. Se algo saía dos padrões era simplesmente descartado. Não é isso o que fazemos hoje em dia também?

Pense só, todos nós, independentemente de gostos seguimos as mesmas tendências de comportamento, é como padrão. Tudo regido pela moral, que por sua vez, está escrita sob a forma de lei, mas não completamente. A lei e a moral são íntimamente ligadas, por exemplo: é proibido andar pelado na rua - atentado ao pudor - a moral inibe o nu. Pergunta para aquelas senhoras donas de casa o que elas acham das revistas Play Boy e G magazine. Mas o tempo muda, a sociedade muda. Aparecem mais diferentes e as pessoas... essas demoram a aceitar o novo, ou simplesmente, não aceitam.

Os gays são os mais evidentes nesse caso. Há pessoas que dizem que é doença (imagina só! Doença? Fala sério), mas é apenas uma opção. A intolerância contra Emos também é muito grande e por quê? Por causa da diferença. Do estilo de se vestir, de agir, de pensar.

O novo não é bem vindo? A sociedade anda com a mente tão fechada. Todos pre julgam tudo, ninguém quer experimentar, tentar. O que acontece então quando você se torna o novo? O diferente? Quando as pessoas acham que o que você pensa é errado. Quando não te dão ouvidos... você gosta?

No meu ver, preconceito é a forma mais declarada de burrice. Todo ser é único e a aparência não quer dizer nada. Não quero dar lição de moral em ninguém, não sou a dona da verdade, mas quem é? Quem está certo afinal de contas? Eu creio que eu esteja certa, mas você me diz que estou errada. O certo pra mim é errado pra você.

Não existe um dono da verdade. O que é normal pra você, não é pra outra pessoa. Você é então vítima de si mesmo, pois ao julgar o outro você também será julgado um dia, pois todos julgam como uma auto defesa, para se proteger do diferente. Do diferente, que podem gostar e têem medo de saber se é bom, se é o certo.

E assim, a sociedade entra em um círculo vicioso. Do qual, talvez nunca sairão.

-» A moral é como um dragão que cospe fogo, está sempre queimando tudo a sua volta «-

4 comentários:

Hervé disse...

Clap, clap, clap. Assino embaixo.
Gostei. ;*

Nan disse...

Oieeeeee

nossa... superou no seu super post de hoje heim?
eu particularmente... e nem é necessário os motivos... vc sabe... Amei
Sem dizer q a imagem ficou ótima e em total sintonia com o assunto certo?

Agora pq o diferente sofre com a ignorância das pessoas...
as pessoas tem medo do diferente... as pessoas tem medo do novo... da mudança...
é muito mais fácil julgar como algo horrendo, excluindo isso de toda uma socieda, do q ter que encarar a real situação...

Pelo que entendo é isso... as pessoas não tem coragem de assumir a realidade... elas se travam com o medo, e excluem a diferença... eu chamo isso de covardia...
mas eu não estaria sendo ignorante tbm?... acredito que sim...
Por fim eu sou humano... e essas pessoas tbm... oq muda é o fato de compreensão e coragem!

Ser diferente é bom?
Eu amo ser diferente...
é totalmente satisfatório você saber que pode ser você mesmo e não precisar seguir padrões ^^
Ié... eu sou feliz!!!!

muito muito muito muito muito bom post de hoje...
e rumou a cor do texto lá encima neh?
ficou bom...
gostei!!!

\o/

Beijos!!!

Duda disse...

"Ser diferente é bom ou ruim?"
Não, é normal!

Acho que todo mundo sabe o quanto a sociedade generalizando é assim, um monte de gente seguindo a direção da esteira rolante, mas eu acho que as coisas ainda não estão perdidas, a esperança só não é televisionada (haha goste disso)(pelo menos na maioria das emissoras).
Tem gente muito boa fazendo a diferença no campo das artes, lecionando... Só que isso acaba sendo pouco divulgado, quando a gente começa a correr atraz desse tipo de informação se maravilha pq vê que existe!

ah, achei o seu blog na comunidade Blogspot do orkut
beijos, e boa sorte com o blog novo!

Anônimo disse...

uoou :x...falou tudo,*tirei o chapéu pra vc*...muito bom mesmo, adorei, vc tem um jeito bem claro para explicar as coisas, continue assim :3

obs:é a primeira vez que visitei o blog e adorei ^*^